1. Como fazer papel machê – Receita fácil!


    Aprenda a fazer a massa de papel machê e crie objetos decorativos e utilitários que vão deixar seus amigos e amigas admirados!

    setembro 26, 2017 by Angelyne

    O papel machê se desenvolveu na China. Pérsia e Índia mais ou menos uns dois séculos antes de Cristo.

    Foi utilizado na Europa, primeiramente na França (papier mâché) e depois na Inglaterra e Itália. As famosas máscaras de Carnaval de Veneza eram feitas com esse material.

    Através dos tempos muitos objetos decorativos e utilitários foram feitos com papel machê! Veja abaixo alguns objetos antigos! Passe o mouse sobre as fotos para ver a legenda ou clique para ver a imagem inteira.

     

    A seguir, objetos da atualidade!

     

    COMO FAZER PAPEL MACHE

    Tutorial e fotos de Miranda Rook, traduzido e adaptado do site papiermache.co.uk

     

    Materiais:

    • Revistas de folhas brilhantes
    • Caixas de ovos
    • Escorredor de massa
    • Saco para drenagem ou meia de nylon
    • Equipamentos elétricos (batedeira, mixer, furadeira)
    • Cola branca PVA

     

    Modo de fazer:

    1. Guarde caixas de ovos e revistas de papel brilhante: aproximadamente 10 ou 12 caixas de ovos e 1 ou 2 revistas de tamanho médio para encher um balde. Remova grampos e partes com cola, rasgue em pedaços de mais ou menos 2,5 cm.

    Coloque os pedaços rasgados em um balde

    Coloque os pedaços rasgados em um balde

    Assegure-se de misturar bem com as mãos os pedaços de caixa e revista, adicione água suficiente para cobrir bem todo o material obtido e deixe de molho até o dia seguinte.

    2. Derrame a mistura encharcada dentro da pia tampada e amasse bem.

    Colocar a massa na pia tampada

    Coloque a massa na pia tampada

    3. Se a mistura estiver bem encharcada você pode usar sua batedeira dentro de vasilhas fundas (para não espirrar) até amassar totalmente. 

    Use a batedeira para misturar a massa

    Use a batedeira para misturar a massa

    Para quantidades maiores de mistura você pode usar uma furadeira com a peça de misturar argamassa. Essa ferramenta é mais eficiente.

    Usar a furadeira para misturar a massa

    Usar a furadeira para misturar a massa

    Use a furadeira para misturar a massa

    4. Drene o excesso de água usando um escorredor e um saco de drenagem ou meia de nylon; aperte bem para remover o máximo de água que puder.

    Coloque o saco ou meia no escorredor

    Coloque o saco ou meia no escorredor

    Drenar em saco ou meia de nylon

    Drene em saco ou meia de nylon

    5. Divida a polpa obtida, enrole em grandes “almôndegas” e use em seguida ou deixe secar e use quando precisar.

    Faça grandes "almôndegas" com a polpa

    Faça grandes “almôndegas” com a polpa

    Faça bolas de polpa

    As bolas de polpa endurecem como pedras

    6. As bolas secas ficarão duras como pedra. Para poder usá-las, adicione água até que elas desmanchem e então, usando a batedeira, misture-as com cola branca PVA na proporção de um porta ovo quente para cada bola de massa.

    Se você quiser uma consistência mais fina pode usar seu mixer para tornar a polpa mais fina. Misture pequenas quantidades por vez (uma xícara de café) e certifique-se de que a massa esteja bem encharcada para não queimar o motor do seu equipamento, mas que também não esteja escorrendo muito.

    Usar o mixer para afinar a polpa

    Use o mixer para afinar a polpa

    Use o mixer para uma polpa mais fina

    Use o mixer em pequenas quantidades para uma polpa mais fina

    Esta polpa é muito fácil de fazer (sem fervura, alvejante ou semanas de molho), fácil de trabalhar e limpa (não gruda nos dedos e não escorre para todo lado). Dura semanas dentro ou fora da geladeira.

    Você pode manter um suprimento para ir usando quando preciso.

    Agora é só dar asas à sua imaginação e criar os objetos que quiser.

    Se tiver alguma dúvida pergunte aqui.

    Até a próxima!

    Angelyne

     


  2. Queijo caseiro e doce de leite com leite azedo


    O leite azedou? Não se preocupe, você pode reaproveitá-lo fazendo um queijo branco caseiro ou um doce de leite delicioso!

    agosto 21, 2017 by Angelyne

    Olá Pessoal! Hoje vamos ver como fazer um queijo caseiro e doce de leite com leite azedo!

    Receita do queijo branco

    Queijo caseiro

    Ingredientes:
    . 1 litro de leite azedo coalhado fervendo
    . 1 colher de chá de sal

    Acessórios:
    . Guardanapo de pano fino limpo
    . Peneira média
    . Forminha com capacidade para 3/4 de xícara
    . Filme plástico

    Modo de preparo:

    Forre a peneira como guardanapo e a forminha com filme plástico e reserve. Despeje o leite azedo fervente sobre o guardanapo colocado na peneira. Amarre as pontas e pendure em uma torneira de um dia para o outro, para que o soro escorra, mais ou menos dez ou doze horas. 

    Em seguida acrescente o sal à massa resultante e misture bem. Coloque a mistura na forminha forrada e comprima bem. Deixe descansar na geladeira de um dia para o outro.

    Depois é só consumir da forma que preferir. Ao natural ou temperado como chancliche (queijo árabe).  Se quiser um queijo maior, você pode acrescentar mais um litro de leite ao que já azedou e ferver os dois juntos.

    Receita do Chancliche

    Queijo árabe - chancliche

    Faça o queijo seguindo a receita acima. Depois faça bolinhas com a massa ponha de molho em azeite de oliva extra virgem. Deixe-as por alguns dias antes de consumir como estão ou amasse-as numa pasta e misture com orégano, pimenta do reino, cheiro verde e tomate bem picadinhos.

    Receita do Doce de leite 

    Doce de leite azedo

    Ingredientes:
    1 ou 2 litros de leite azedo
    2 xícaras de açúcar para cada litro
    1 pauzinho de canela
    2 ou 3 cravos da Índia

     
    Modo de Preparo:

    Passe a massa de leite azedo na peneira como se fosse fazer o queijo. Ainda dentro do guardanapo, passe a massa em água corrente, esprema, mas não deixe pendurada.

    Em seguida acrescente o açúcar e leve ao fogo até ferver, abaixe o fogo e vá mexendo de vez em quando até o doce ficar com uma cor marrom claro e a calda começar a engrossar, demora bastante, mas vale a pena.

    Se ficou com alguma dúvida, não hesite em me contatar aqui.

    Bom apetite!

    Angelyne


  3. Upciclagem de disquetes criando pingente tipo drusa


    Você ainda tem disquetes antigos? Veja como criar um pingente tipo drusa usando peças de disquetes!

    agosto 6, 2017 by Angelyne

    Voltar à lista de PAPs

    Olá Pessoal, vamos à nossa upciclagem de hoje. 

    Vocês ainda têm disquetes antigos? Lembram-se deles?

    flop diskReforço metálico do eixo do disquete
    Os disquetes já foram tecnologia de ponta um dia, agora não tem mais uso. Pelo menos não para sua finalidade original, mas ainda podem ser transformados em algum outro objeto, através da upciclagem. Minha sugestão é um pingente feito com o reforço metálico do eixo de rotação do disquete (simplesmente reforço). Esta pecinha redonda na foto da direita.

    Upciclagem: PAP do pingente imitando drusa

    upciclagem pingente drusa upciclagem pingente drusa
    Materiais:

    1 reforço metálico de disquete (ou vários, caso pretenda fazer mais de um pingente)
    Fita durex
    Cola quente
    2 tons de glíter (um mais claro e outro mais escuro)
    1 folha de papel sulfite
    1 pincel macio pequeno
    1 argolinha para bijuteria 
    Alicates de bijuteria
    Tinta prateada para artesanato 
    1 correntinha com fecho ou um fio de camurça ou outro tipo de material para fazer o colar
    Goma laca incolor ou verniz geral
    Álcool ou solvente de verniz

    Procedimento:

    Ligue a pistola de cola quente, enquanto ela for aquecendo, abra a argolinha para bijuteria com auxílio dos dois alicates e passe pelo orifício maior do reforço e feche outra vez com os alicates. Pelo lado de trás do reforço cubra os orifícios com pedaços de durex para a cola não vazar (foto da esquerda). 

    Aplique uma camada fina de cola quente no fundo do reforço, imediatamente, coloque o reforço sobre o papel sulfite e polvilhe por cima o glíter mais escuro, vire o reforço para baixo para deixar todo o excesso do glíter cair sobre o papel sulfite. Devolva este excesso ao recipiente do glíter. A esta altura já pode retirar o durex de trás do pingente. 

    Em seguida, aplique nova camada de cola quente, irregular, preenchendo bem todo o espaço do reforço, imediatamente, polvilhe por cima o glíter mais claro, vire o reforço como da outra vez e recolha o excesso do glíter. Com as pontas dos dedos vá apertando delicadamente o glíter sobre a cola, de forma que esta, ainda morna, fique com o formato arredondado do reforço enquanto fixa o glíter.

    reforço eixo disquete upciclagem pintura da drusa upciclagem pintura reforço
    Desligue a pistola de cola. Espere mais ou menos uma hora e veja se o pingente ficou certinho. Se ficar muito baixo, pode colocar mais um pouco de cola e repetir todo o processo. Se tiver ficado bom, pinte a lateral da drusa com a tinta prateada (foto do meio), pinte também a parte de trás do anel do reforço e os orifícios (foto da direita). Deixe secar por uma hora. Se tiver ficado alguma falha aparecendo a cola, passe a goma laca incolor ou o verniz, com o pincel somente na(s) parte(s) que ficou(aram) aparecendo e despeje mais um pouco do glíter escuro só nesse(s) local(is). Aguarde a secagem. Pode deixar de um dia para o outro.

    Finalmente, passe uma camada da goma laca ou verniz com pincel em toda a superfície da drusa e do reforço. Deixe secar e passe uma camada também na parte de trás. Depois de totalmente seco o pingente é só colocar no cordão escolhido e pronto!

    Você pode fazer vários, cada um de uma cor! Depois mande fotos de sua upciclagem! Se ficou com dúvidas, não hesite em me contatar aqui.

    Abraço,

    Angelyne

    Voltar à lista de PAPs


  4. Reciclagem de latas: bijuterias


    Reciclar latas não é só passar tinta e grudar lacinhos! Você pode usar a imaginação e ousar criar algo completamente novo! Isto é upciclagem!

    julho 24, 2017 by Angelyne

    Veja abaixo algumas das peças que se pode fazer usando, como matéria prima, latas diversas que seriam descartadas. Clique em cada foto para ver que materiais foram utilizados.
    Algumas dessas peças estão à venda na Loja Bijus da Angel.

    Em breve será publicada uma apostila ensinado todo o processo de preparo da matéria prima para fabricação de bijuterias. Fique ligado(a)!

    Abraço,

    Angelyne

     


  5. Ar condicionado sem eletricidade


    março 6, 2017 by Angelyne

    Nesse calor sufocante, nada melhor do que um ar condicionado refrescando o ambiente! Porém, nem todo mundo consegue ter um ar condicionado!

    O que fazer então? Nas minhas “andanças” pela internet achei uma ideia genial que vou mostrar agora.

    Vejam só a solução criativa que o pessoal do vilarejo Daulatdia de Bangladesh, na Índia, que vive em casebres sem água corrente, com temperaturas que passam de 45ºC, criou para refrigerar o ambiente. O primeiro ar-condicionado sem eletricidade, com baixo custo uma vez que é feito reciclando garrafas pet e papelão.

    eco.cooler

    São feitos furos no papelão, onde são encaixados os gargalos das garrafas pet que são cortadas em forma de funil. Depois de pronto, o papelão com os funis de pet é colocado na frente da porta ou janela e o efeito refrigerador é imediato e chega a abaixar em até 12ºC a temperatura interna.

     

    Isso acontece porque o ar quente entra nas garrafas pelo lado de fora, a parte larga do funil, e depois manda um ar mais frio pra fora pela passagem da garrafa. Veja mais detalhes neste link.

    Além de reutilizar as garrafas pet, você ainda obtém um ar condicionado sem custo!

    Não tentei fazer este dispositivo ecológico, mas fica a dica para quem quiser tentar.

    Abraço,

    Angelyne